Biografia
e Realizações

1963

Nasce Rui

A dona de casa Maria Luzia deu a luz ao segundo filho, Rui Costa dos Santos, em Salvador, no dia 18 de janeiro. Foi em uma encosta do bairro da Liberdade que cresceu e morou com toda a família, vendo de perto a situação de vulnerabilidade de quem vivia por lá.

  • Inaugurou 35 obras de contenção de encostas na capital durante o seu governo.
  • Para dar mais segurança à população baiana, levou o Pacto Pela Vida para os quatro cantos do estado.

A gestão de Rui como governador tem sido de muito trabalho. Na correria, se dedica a atender as demandas de todo o estado. Ao todo, fez mais de 450 visitas ao interior do Estado.

1973

Valor ao Trabalho

Aprendeu cedo o valor do trabalho duro vendo os pais batalharem para sustentar a família. O pai, seu Clóvis dos Santos, era metalúrgico, enquanto a mãe ajudava a pagar as contas vendendo doces e fazendo faxina.

 

Vida Escolar

Logo cedo, Rui entendeu a importância de uma educação de qualidade. Aluno de escola pública, sempre esteve rodeado de pessoas que não o deixaram perder a vontade de aprender, tornando-se assim um aluno dedicado e estudioso tanto nos anos de primário quanto nos de universidade.

 

  • O programa Educar Para Transformar foi lançado em 2015, visando a melhoria da qualidade da educação pública como um todo. Em todo o interior, visitou quase 300 escolas e construiu, recuperou ou ampliou mais de 1.300.
  • Lançou o programa Partiu Estágio, que dá oportunidades de estágio aos estudantes matriculados em universidades baianas.

O jovem Rui entra na Escola Técnica Federal da Bahia, instituição que abriu as portas do mercado de trabalho para ele.

Formação Técnica

O Primeiro Emprego é um programa que dá a primeira oportunidade de trabalho a jovens que acabaram de sair da Educação Profissional.

1981

Líder Nato

Começou a estagiar na Copene e em menos de um ano assumiu o cargo de desenhista. Nesse momento, passou a demonstrar vocação para a liderança sindical, lutando estrategicamente por melhores condições de trabalho para todos.

1982

Interesse pela política

Filia-se ao Partido dos Trabalhadores. Foi um dos primeiros integrantes do PT e uma das principais lideranças responsáveis pela organização do diretório do partido na Bahia.

 

1983

Vocação Sindical

Influenciado pela efervescência do movimento sindical no Brasil, entra no curso de Ciências Sociais. Não se gradua, pois os horários de estudo chocavam com as horas de trabalho.

O programa Mais Futuro foi criado para apoiar financeiramente os jovens universitários e estimular a sua permanência em sala de aula.

1984

Alianças

Aos 21 anos, Rui é convidado a integrar a chapa sindical Força Nova, liderada por Jaques Wagner. Nesse mesmo ano, acontece a primeira grande paralisação no Polo Petroquímico de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador.

1985

Luta pelos Direitos

Aos 22 anos, Rui passa a ser um dos principais líderes do movimento pela campanha salarial dentro do polo.

Garantir os direitos dos trabalhadores é característica marcante do seu governo. Mesmo com a crise econômica no país, sempre pagou em dia os servidores públicos do estado.

1986

Pai de Família

Nasce sua primeira filha, Aline.

1988

Ao Lado do Povo

Rui passa a dar aulas de reforço na creche fundada por sua mãe. Dedicada ao povo, dona Maria Luzia criou a Associação Comunitária São Domingos onde cuidava e educava as crianças do bairro.

Nesses quatro anos como governador, Rui incluiu os ensinamentos da mãe em seu modelo de gestão voltado para desenvolver a Bahia e levar qualidade de vida para todo o estado.

  • O programa itinerante Rastreamento do Câncer de Mama foi pensado para levar prevenção, detecção e tratamento da doença para todo o estado.
  • Hospital da Mulher, lugar de acolhimento e atendimento humanizado e personalizado para as mulheres, é inaugurado em 2017. A unidade é um centro de referência altamente qualificado para diagnóstico e tratamento de câncer de mama e colo do útero.
1990

Dona Luzia

Dona Luzia lutou bravamente contra um câncer de mama. A doença da mãe abriu os olhos de Rui para a importância de cuidar com atenção da saúde feminina.

1993

Tempos de Universidade

Rui passou em 13º lugar no vestibular da Universidade Federal da Bahia, em Economia, curso no qual é formado.

Levar atendimento, diagnóstico e tratamento de qualidade para toda a Bahia é um dos principais compromissos de Rui como governador: Em oito meses, oito Policlínicas de Saúde foram entregues nas regiões de Teixeira de Freitas, Irecê, Jequié, Guanambi, Santo Antônio de Jesus, Feira de Santana, Alagoinhas e Valença. Ao todo, serão 18 construídas por toda a Bahia.

1995

Perda Irreparável

Sofreu uma perda enorme: falece dona Maria Luzia, que teve um diagnóstico tardio do câncer de mama. Perder a mãe tão cedo mostrou a Rui a importância de detectar doenças a tempo de curá-las.

1997

Nascimento do 2º Filho

Poucos anos após perder a mãe, Rui viveu um momento de muita alegria: nasce Caio, seu segundo filho.

2004

Vereador

Assumiu o primeiro cargo na vida pública, sendo o vereador mais votado do PT daquele ano com 8.901 votos.

2006

Na Câmara de Vereadores

Um dos seus projetos de Lei como vereador, por exemplo, já abordava a mobilidade urbana como prioridade: visava a adaptação do transporte público às necessidades das pessoas com deficiência.

  • Atualmente, a mobilidade urbana da capital baiana está entre as melhores do país. Graças à correria, o Metrô de Salvador tem 33 km de extensão e está nos trilhos para chegar ainda mais longe.
  • O VLT (Veículo Leve sobre Trilhos), que será construído no Subúrbio Ferroviário, já foi licitado no primeiro semestre de 2018 e beneficiará mais de um milhão de pessoas.
2007

Secretário

Foi convidado pelo então governador Jaques Wagner a assumir a Secretaria de Relações Institucionais da Bahia (Serin).

2010

Deputado Federal

Elegeu-se como o deputado federal mais votado do PT Bahia, com 212.157 votos.

2012

Chefe da Casa Civil

Assumiu a chefia da Casa Civil no segundo mandato de Jaques Wagner como governador.

Casamento

No mesmo ano, casou-se com Aline Peixoto, futura primeira-dama da Bahia, com quem atualmente tem duas filhas, Marina e Malu.

2014

Governador da Bahia

Dois anos mais tarde, elegeu-se governador do Estado da Bahia com 3,5 milhões de votos.

2015

Novo Começo

No dia 1º de janeiro, Rui imediatamente colocou as mãos na massa para dar à Bahia um novo ritmo de desenvolvimento.

Rui ganhou projeção nacional como o governador que mais cumpriu compromissos de campanha.

No primeiro ano de mandato, coloca em prática a reforma administrativa: renova a estrutura extinguindo cargos, reestruturando órgãos e economizando cerca de R$ 200 milhões por ano.

Em meio a um cenário nacional adverso para a economia, Rui enfrentou os desafios destes quatro anos de governo sem perder a vontade de trabalhar.

2016

Bahia não Para

Na contramão da crise no país, a Bahia se mantém de pé com o governador trabalhando para honrar seus compromissos.

  • Rui reduziu os gastos do estado e ampliou os investimentos em todos os setores – Bahia passa a ser o 2º estado que mais investiu em obras e ações estruturantes entre 2016 e 2017.
  • Construiu o Centro de Operações e Inteligência de Segurança Pública 2 de Julho, maior centro de monitoramento da América Latina.
  • O Mutirão de Cirurgias realizou mais de 11 mil procedimentos e está ajudando a zerar as filas do Sistema Único de Saúde (SUS).
  • Novos hospitais também foram inaugurados: Hospital da Chapada, em Seabra. Hospital Regional da Costa do Cacau, em Ilhéus. Novo Prado Valadares, em Jequié. Novo Hospital Couto Maia e HGE 2, em Salvador
2017

Promessa é Dívida

Um dos principais compromissos da gestão de Rui foi fazer a saúde chegar ao maior número de baianos. O governador construiu unidades em diversas cidades e levou serviços especializados para todo o interior.

2018

Gestão Inteligente

Até o fim do seu primeiro mandato, em dezembro, Rui Costa continuará o modelo de gestão que vem dando certo: inovador, sempre buscando viabilizar as promessas que fez durante a campanha.

  • Rui trouxe para a Bahia a primeira Parceria Público Privada de Diagnóstico por imagem do Brasil.
  • Os consórcios Governo do Estado-Municípios também deram certo e facilitaram a construção das Policlínicas Regionais de Saúde.